Proteção contra sobretensões para evitar interrupções na cadeia de trabalho

Aplicaciones Tecnológicas S.A. pretege as linhas de fornecimento de energia da Faurecia, uma grande empresa gestora de componentes para veículos

A proteção externa contra o raio, ou seja, a instalação de para-raios com as suas baixadas e tomadas de terra, evita o impacto direto no edifício, mas não os efeitos secundários do raio nas linhas de serviço que chegam aos equipamentos elétricos e eletrónicos. Os danos causados nestes equipamentos podem ser elevados, não só pelo valor dos equipamentos mas também pelas interrupções no trabalho e os consequentes custos para a produção, atrasos em entregas, perda de dados, arranque de máquinas, etc.

A Faurecia, uma empresa de gestão de componentes para veículos, sofreu a queda de um raio que foi intercetado pelo para-raios instalado, evitando que a estrutura sofresse danos ou fogo. Contudo alguns equipamento sensíveis foram afetados, resultando na paragem da cadeia de trabalho.

Técnicos das Aplicaciones tecnológicas S.A. realizaram um estudo de proteção interna e a marca Faurecia confiou na gama de protetores contra sobretensões transitórias de Aplicaciones Tecnológicas S.A., para evitar novos danos nas linhas elétricas.

Descarregue aquí a guia de seleção de protetores contra sobretensões