Onde caiem mais raios em Espanha e no mundo

A época do verão é tradicionalmente a estação do ano em que qualquer pessoa quer desfrutar do bom tempo e das férias, mas é também a estação em que se formam mais nuvens de convecção do tipo cúmulo-nimbo, as nuvens de trovoada que produzem os raios.

A cada verão voltam a surgir as notícias sobre acidentes com consequências fatais envolvendo pessoas por não possuírem a proteção adequada. Estas descargas são também uma das principais causas dos incêndios florestais, mesmo vários dias depois das trovoadas graças aos chamados raios latentes.

A formação de trovoadas elétricas não pode ser evitada, mas podemos apostar nas precauções para prevenir os seus efeitos destrutivos mediante os sistemas de proteção, sobretudo nas zonas mais propensas a este fenómeno meteorológico, mas…Quais são as zonas de Espanha e do mundo onde caem mais raios?

Onde caem mais raios em Espanha?

O nosso país é celebre na Europa pelos seus meses de calor e sol, mesmo que o norte de Espanha seja mais frio e chuvoso. As precipitações são mais frequentes mas, trata-se também das zonas onde se produzem mais trovoadas?

Em Espanha caem por ano mais de 1.3 milhões de descargas elétricas. A Agência Estatal Meteorológica tornou acessíveis os dados dos seus Mapas Climatéricos de Espanha (1981-2010) E ETo (1996-2016) sendo publicados em 2018 e onde se pode observar os dias de trovoada em média a cada ano desde 1981 a 2010.

Segundo os dados disponíveis, o meio número de trovoadas concentra-se no Nordeste: Aragón, Cataluña e Comunidade Valenciana é onde existem mais atividade.
Especialmente nos Pirenéus e no sul do Sistema Ibérico é onde mais aparecem, com uma média de mais de 30 dias de trovoadas por ano.

Onde caiem mais raios em Espanha

A causa para uma maior produção do número de trovoadas nestas zonas está relacionada com a convecção que acontece no verão. O sol aquece o terreno das montanhas que estão a maior altitude na nossa geografia e por isso mais próximas de bolsas de ar frio, provocando a condensação e a formação dos cumulonimbus (cumulo-nimbo).

Em que zona do mundo caiem mais raios?

Segundo os dados acumulados pela NASA, a cada segundo caiem 40 raios na terra e acontecem cerca de 2000 trovoadas que descarregam a sua energia simultaneamente sobre o mundo. Esta atividade elétrica apresenta um certo padrão: do número anual de trovoadas, aproximadamente 1200 descarregam sobre zonas montanhosas próximas ao equador.

Recentemente e graças aos novos dados obtidos por imagens de satélite de alta resolução, descobriu-se que é na América do Sul que se produz uma concentração maior de queda de raios e não nos montes Mitumba da Africa central, como se acreditava até ao momento.

Um exemplo é o Lago de Maracaibo (Venezuela) onde caiem em media 233 raios por quilometro quadrado a cada ano, segundo os dados obtidos pela Missão de Medição de Chuvas Tropicais (MMCT) da NASA.

Segundo esta mesma entidade, o ranking onde mais raios caiem fica disposto na seguinte forma:

  1. Lago de Maracaibo, Venezuela
  2. Parque Nacional Kahuzi-Biega, República Democrática do Congo
  3. Shabunda, República Democrática do Congo
  4. Cáceres, Colombia
  5. Walikale, República Democrática do Congo
  6. Daggar, Paquistão
  7. El Tarra, Colombia
  8. Nguti, Camarões
  9. Boende, República Democrática do Congo

Mesmo que a África tenha perdido o primeiro lugar neste ranking tão particular, continua a ser, com grande diferença, um dos continentes com maiores incidências por queda de raio.

Para conhecer em maior detalhe factos sobre os raios e as trovoadas e, sobre tudo, como se pode proteger perante este fenómeno natural, faça clique aqui para subscrever a nossa newsletter.